Conferência de imprensa da COVID-19, de 14 de outubro de 2020

Conferência de imprensa da COVID-19, de 14 de outubro de 2020

Brava, a última ilha a entrar para a estatística da COVID-19 em Cabo Verde

O Ministério da Saúde e da Segurança Social comunicou, ontem, que a Ilha da Brava registou seus 5 primeiros casos positivos de COVID-19.

A atualização dos dados sobre a evolução epidemiológica da COVID-19 no país, desta quarta-feira, foi feita pelo Diretor do Serviço de Controlo e Prevenção de Doenças Prioritárias, Jorge Noel Barreto, na habitual conferência de imprensa.

Os resultados das amostras analisadas, até às 15 horas deste dia, foram os seguintes:

Amostras analisadas: 561, a nível nacional.

Casos positivos: 120, sendo 81 na Praia, 13 na Ilha da Boa Vista, 6 em Porto Novo, 5 em São Filipe, 3 em Santa Catarina de Santiago, 3 em São Salvador do Mundo, 3 em São Miguel, 2 no Paúl, 1 em São Lourenço dos Órgãos, 1 em Santa Catarina do Fogo, 1 na Ilha de São Vicente e 1 na Ilha do Sal.

Doentes ativos: 1020, a nível nacional, sendo 676 na Praia.

Casos recuperados: mais 60 pessoas receberam alta, nesta quarta-feira, dos quais 41 na Praia, 6 em Ribeira Grande de Santiago, 6 em Santa Catarina de Santiago, 4 em São Domingos e 3 em São Filipe.

Casos suspeitos: 38, sendo, 14 em Santa Catarina de Santiago, 11 na Praia, 4 em São Filipe, 3 em São Domingos, 2 em São Miguel, 1 em Ribeira Grande de Santiago, 1 em São Lourenço dos Órgãos, 1 em São Salvador do Mundo e 1 na Ilha da Boa Vista.

Pessoas em quarentena: 1266, a nível nacional.

Resumidamente, o país contabiliza, até o momento, um total de 7371 casos acumulados da COVID-19, dos quais 6270 recuperados, equivalente a uma taxa de 85%, e 79 óbitos, representando uma taxa de letalidade de 1,07%.

O país registou mais 2 óbitos associados à COVID-19, neste dia. Segundo o Diretor do Serviço de Controlo e Prevenção de Doenças Prioritárias, as vítimas eram pessoas idosas e residiam nos Concelhos da Praia e Santa Catarina de Santiago, respetivamente.

Relativamente ao número de doentes em internamento hospitalar, informou que, a nível nacional, encontram-se internadas um total de 23 pessoas, distribuídas em 5 hospitais, sendo: 13 no Hospital Agostinho Neto, das quais 6 sob cuidados redobrados; 8 no Hospital Regional Santa Rita Vieira, das quais 1 sob cuidados especiais; 2 casos suspeitos no Hospital Regional João Morais; 1 no Hospital Regional São Francisco de Assis e; 1 no Hospital Baptista de Sousa.

Dentre os recuperados da COVID-19, neste dia, Jorge Noel Barreto destacou uma pessoa de 93 anos de idade.

É de realçar que desde, ontem, os concelhos do Paúl e Brava, que até então eram os únicos que ainda não tinham registado nenhum caso da COVID-19, entraram na estatística das localidades afetadas pela doença no país.

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Artigos Relacionados